content
 
Carta Europeia da água
CARTA EUROPEIA DA ÁGUA do Conselho da Europa (Proclamada em Estrasburgo em 6 de Maio de 1968)
A ÁGUA É UM PATRIMÓNIO COMUM, CUJO VALOR DEVE SER RECONHECIDO POR TODOS.
A ÁGUA NÃO TEM FRONTEIRAS. É O RECURSO COMUM QUE NECESSITA DE UMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL.
A BOA GESTÃO DA ÁGUA DEVE SER OBJETO DE UM PLANO PROMULGADO PELAS AUTORIDADES COMPETENTES.
A GESTÃO DOS RECURSOS DE ÁGUA DEVE INSCREVER-SE NO QUADRO DA BACIA NATURAL...
A SALVAGUARDA DA ÁGUA IMPLICA UM ESFORÇO CRESCENTE DE INVESTIGAÇÃO, DE FORMAÇÃO DE ESPECIALISTAS...
ALTERAR A QUALIDADE DA ÁGUA É PREJUDICAR A VIDA DO HOMEM E DOS OUTROS SERES VIVOS QUE DEPENDEM DELA.
NÃO HÁ VIDA SEM ÁGUA. A ÁGUA É UM BEM PRECIOSO, INDISPENSÁVEL A TODAS AS ATIVIDADES HUMANAS.
OS RECURSOS DE ÁGUAS DOCES NÃO SÃO INESGOTÁVEIS. É INDISPENSÁVEL PRESERVÁ-LOS, ADMINISTRÁ-LOS E, SE POSSÍVEL, AUMENTÁ-LOS.
DISTINÇÕES